Simples Nacional ou MEI, qual a melhor opção?

Uma das etapas mais difíceis que um empreendedor passa ao criar uma empresa, é a escolha pelo melhor enquadramento tributário. São vários os critérios que precisam ser avaliados antes de escolher o modelo adequado para seu negócio. Tudo vai depender de sua situação atual (número de funcionários, faturamento da empresa, sócios) e também do seu planejamento e intenções futuras.

Os enquadramentos mais comuns e indicados para empresas de pequeno e médio porte são o Simples Nacional e o MEI

O que é Simples Nacional?
Simples Nacional é um regime de arrecadação de tributos, que foi criado para facilitar a vida do empreendedor de pequeno porte. Aplica-se apenas às microempresas e empresas de pequeno porte. Estas, por sua vez, são definidas pela Lei Geral de acordo com seu faturamento anual.

Micro e pequenas empresas com faturamento de até R$ 4,8 milhões ao ano podem escolher pelo sistema simplificado

Uma das grandes vantagens do Simples Nacional é que ele reúne oito impostos (IRPJ, CSLL, PIS/PASEP, Cofins, IPI, ICMS, ISS e CPP) em apenas uma guia, diminuindo muitas burocracias. 

O que é MEI?
MEI (Microempreendedor Individual) foi criado pelo governo para incentivar a formalização dos profissionais autônomos ou dos que trabalham de modo informal.

O enquadramento como MEI possui alguns benefícios, porém, existem algumas limitações. Muito abaixo do Simples, o Microempreendedor Individual não pode exceder o faturamento de R$ 81 mil ao ano.

Outra limitação é em relação à contratação de funcionários. Se você optar por esse enquadramento, poderá ter apenas um funcionário registrado. Também não é permitido incluir sócio e o empresário não pode abrir outra empresa ou participar de outra sociedade.

Dentre os benefícios concedidos ao MEI, podemos citar a isenção de taxas como o alvará de localização e funcionamento e a taxa de funcionamento do Corpo de Bombeiros. Além disso, o MEI está dispensado de emissão de nota fiscal quando o cliente for pessoa física (pode emitir somente quando o cliente for pessoa jurídica).

Para o MEI, o recolhimento dos impostos também se dá através de uma guia única chamada DAS. O valor da guia pode variar de acordo com as atividades. Quanto aos impostos, são apenas os seguintes:

  • ICMS para comércios e indústrias;
  • ISS para prestadores de serviços;
  • contribuição previdenciária pessoal para todos os empreendedores.

Qual é a melhor opção para meu negócio?
A partir dessas informações, percebemos que existem muitas diferenças entre o Simples Nacional e o MEI. Assim, qual desses enquadramentos se encaixa em seu modelo de negócio? Bom, vamos recapitular algumas informações e fazer um comparativo.

Quando falamos em MEI, existe a opção de contratar apenas um funcionário (ganhando um salário mínimo ou piso da categoria). Já no Simples Nacional, você poderá contratar um ou mais funcionários se preferir.

Se você pretende trabalhar em sociedade, deve optar pelo Simples Nacional e descartar o MEI, afinal, o próprio nome diz: Microempreendedor “Individual”. Outro ponto que precisa ser avaliado, é o faturamento anual que a sua empresa terá. Se você estiver iniciando, for um autônomo ou seu faturamento não ultrapassar R$ 81.000,00 por ano, você pode escolher o MEI. Caso contrário, é indicado que opte pelo Simples Nacional, pois o limite para faturamento é de até R$ 4.800,000,00 por ano.

Agora reveja esses itens e veja qual sua empresa mais se encaixa e nos procure para mais esclarecimentos.

Agora reveja esses itens e veja qual sua empresa mais se encaixa e nos procure para mais esclarecimentos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: